História

O topônimo Saloá tem origem na língua do tronco macro-jê, dos povos fulniôs, habitantes da região, e segundo o escritor, jornalista e historiador pernambucano, Mário Melo, Significa: Areia, Barro.A Sesmaria que atualmente constituem as terras de Saloá pertencia a Gerônimo Burgos de Souza e Eça. Foram vendidas a Manuel da Cruz Vilela em 23 de julho de 1712.

 
O distrito foi criado à denominação de São Serafim, pela lei Municipal n° 60, de 04/03/1921, no município de Bom Conselho. Em 1939 teve seu nome alterado para barro, em 31/12/1943, através do decreto lei estadual n° 952 passa-se a chamar de Saloá. Foi elevada a categoria do Município de Saloá, pela lei estadual n° 4946, de 20/12/1963.
 
Em 1924 chegava aqui à família Xavier, vinda de Serrinha da Garanhuns, hoje Paranatama.   
 
· A Primeira casa construída no Município foi pelo Sr. Manoel Pereira Machado
 
· A Primeira Missa foi celebrada no dia 30 de março de 1934 pelo Padre Alfredo Dâmaso. Pároco de Bom Conselho.
 
· A Primeira feira foi em 09 de janeiro de 1939.Bela Vista e Rua Nova também foram nomes atribuídos a Saloá, o município limita-se ao norte com Paranatama, ao sul com Bom Conselho e Terezinha, a lesta com Garanhuns e a oeste com Iati e Pedra.
 
Saloá está localizado na mesorregião do agreste Pernambucano, na microrregião de Garanhuns, inserida em sua maior parte no planalto da Borborema, com relevo suave e ondulado, uma porção de área leste localiza-se na unidade de maciços e serras baixas e vegetação predominante é a floresta caducifólia e subcaducifólia.
 
Geologicamente está localizado na província Borborema, sendo Construído pelos das samplexos Cabrobó, sendo construído pelos litotipos das samplexos Cabrobó e Belém do São Francisco.
 
Distancia de Recife: 256 km
 
Área 252,08 Km²
 
População: 15.027 Habitantes.
 
Densidade demográfica: 59,61 Hab/Km²
 
Altitude: 745 Metros.
 
Código de Município no IBGE. 2612307
 
Clima tropical chuvoso, com verão seco
 
Bacia Hidrográfica: Rio Ipanema, São Francisco e Paraíba do meio.
 
Administrativamente, o município e formado pelos distritos, sede e Iatecá e pelos povoados de Gigantes, São Serafim e Serrinha da Prata.Sua Economia esta baseada em um pequeno comércio em expansão, e uma agricultura com destaque para produção de milho, feijão, mandioca, café, fruticultura e culturas de verduras e hortaliça irrigadas.
 
A produção de Leite in natura do município é de aproximadamente 30.000 ( trinta mil litros) dia, fazendo da pecuária de leite a principal fonte de renda do produtor rural. A feira livre é outro atrativo com centenas de barracas, onde se pode encontrar uma variedade de produtos produzido na própria região.
 
As suas cachoeiras o clima e o relevo são alguns dos maiores diferencias de Saloá, o que pode propiciar a diversidade de cultivos e criações, além de um potencial ainda não totalmente explorado das diversas opções de turismo que podem serem instaladas no município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário